Findes
Cindes
Senai
Sesi
IEL

Nota PNAD Contínua-Trimestral

A taxa de desocupação no Espírito Santo reduz e alcança 12%

 

No segundo trimestre de 2018, a taxa de desocupação do Espírito Santo ficou em 12%, redução de -0,5 p.p em relação ao trimestre anterior. Quando comparada com o mesmo período do ano passado (13,7%), a queda foi de -1,4 p.p. De acordo com a PNAD, a parcela de pessoas ocupadas no estado foi cerca de 1,9 milhão de indivíduos.

Mais informações em Notas Conjunturais ou clique na imagem ao lado

 

Read More

Nota IBCR-ES

IBCR-ES acumula crescimento de 0,5% no primeiro semestre de 2018, no entanto apresenta sinais de desaceleração.

 

No acumulado do primeiro semestre de 2018, comparado com o mesmo período de 2017, o IBCR-ES registrou variação positiva em 0,5% em virtude do bom desempenho do comércio varejista ampliado, com crescimento de 15,0% no período.

Já o setor de serviços (-0,8%) e a produção física industrial (-5,5%) pressionaram negativamente o indicador, segundo as pesquisas mensais do IBGE de comércio, serviços e produção física regional, respectivamente.

 

Mais informações em Notas Conjunturais ou clique na imagem ao lado

 

Read More

Nota PIM-PF Regional

Produção física da indústria capixaba recuou -2,0% em junho.

Influenciado pelo comportamento da indústria extrativa, a produção física da indústria capixaba recuou -2,0% em junho frente ao mês de maio, na série livre de efeito sazonal.

Mais informações em Notas Conjunturais ou clique na imagem ao lado

Read More

Nota IPCA

Inflação – IPCA de julho de 2018

A inflação da RMGV desacelera em julho. Índice variou 0,19%, 1,10 ponto percentual abaixo do registrado no mês anterior, quando a taxa disparou 1,29% em meio à alta de preços provocada pela paralisação dos caminhoneiros.

Mais informações em Notas Conjunturais ou clique na imagem ao lado

Read More

Fato Econômico Capixaba

O setor metalmecânico no Espírito Santo

A produtividade da metalmecânica no Espírito Santo apresentou maiores níveis que a do país. O bom desempenho tornou o setor capixaba competitivo no mercado externo.

Iniciativas como a feira MEC SHOW são cruciais para impulsionar e manter essa competitividade.

Mais informações em Fato Econômico Capixaba ou clique na imagem ao lado

Read More

Indicadores Industriais – ES

Faturamento da indústria capixaba cresce no 1º semestre do ano

O faturamento da indústria capixaba registrou resultado negativo frente a maio em 5,0% na série livre de efeito sazonal. Resultante do comportamento negativo, na comparação mensal, do faturamento da indústria extrativa e de transformação de -7,6% e -4,2%, respectivamente. Contudo, no acumulado do semestre o índice da indústria geral cresceu em 8,0%.

Mais informações em Publicações Indicadores Industriais ou clique na imagem ao lado

Read More

Sondagem Indústria da Construção – ES

Nível de atividade da construção sinaliza recuperação em junho

 

O indicador de nível de atividade da indústria da construção do Espírito Santo alcançou 41,8 pontos em junho. Ao aumentar 2,6 pontos frente a maio, ainda está -4,0 pontos abaixo do registrado em junho/2017 e -3,5 pontos abaixo da sua média histórica dos meses de junho.

 

Mais informações em Publicações Sondagem Indústria da Construção ou clique na imagem ao lado

 

Read More

Sondagem Industrial – ES

Desempenho no 2º trimestre de 2018: condições financeiras melhoram, mas ainda estão abaixo de sua média histórica

 

No 2º trimestre de 2018, os empresários industriais capixabas melhoraram suas percepções sobre as condições financeiras de suas empresas.
Apesar dos indicadores ainda estarem abaixo dos 50 pontos, aumentaram em relação ao trimestre imediatamente anterior, no entanto, ainda seguem abaixo de suas médias históricas.

 

Mais informações em Publicações Sondagem Industrial ou clique na imagem ao lado

 

Read More

Indústria 2035

Desenvolvimento estratégico da indústria do Espírito Santo

Importante projeto do Mapa de Navegação 2017 a 2020, tem por objetivo o desenvolvimento sustentável da indústria capixaba, reposicionando o Espírito Santo de forma competitiva em âmbito nacional e internacional.

 

Quais são os setores industriais portadores de futuro para o Espírito Santo? Que estratégias precisam ser adotadas para impulsionar o desenvolvimento desses segmentos? Quais são os rumos que a indústria vai trilhar?

Conhecer o potencial e planejar o crescimento da indústria, e do próprio Estado, é o objetivo do projeto “Indústria 2035”, sob a gestão do Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies).

 

O horizonte temporal 2035 marca a história do Estado devido a comemoração de 500 anos da Colonização do Solo Espírito-Santense, quando os portugueses, a bordo da caravela Glória, desembarcaram na Prainha, em Vila Velha, com a missão de colonizar a então Capitania do Espírito Santo.

A data se consolida como uma oportunidade de promover reflexões aprofundadas acerca dos mercados globais, da produtividade, das tendências tecnológicas, da sustentabilidade e da inovação. Nesse contexto, pensar e planejar o futuro torna-se uma atividade inexorável para o desenvolvimento empresarial e consequente progresso dos territórios.

O projeto “Indústria 2035” busca desenvolver a indústria do Espírito Santo, reunindo atores estratégicos atuantes em diversas áreas e profundos conhecedores da dinâmica econômica e social do território, para estudar e antecipar as tendências, e assim, eleger os setores mais promissores para o horizonte temporal definido.

Mais informações leia em Indústria 2035 ou clique na imagem

Read More