Fórum Capixaba de Petróleo e Gás

O Fórum Capixaba de Petróleo e Gás – FCP&G foi criado em 3 de setembro de 2013 para apoiar o desenvolvimento do setor de petróleo e gás no Espírito Santo, por meio de uma iniciativa conjunta entre a Secretaria de Estado de Desenvolvimento – SEDES, a Petrobras e a Federação das Indústrias do Espírito Santo – FINDES, como uma ação de continuidade do Prominp Regional.

Este Fórum se propõe a institucionalizar, estruturar, articular e apoiar as ações das diversas organizações que atuam no setor de petróleo e gás, visando potencializar os seus resultados.  É um espaço de articulação estratégica e interlocução público-privada para maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, Petrobras e outras operadoras de petróleo e gás, associações empresariais, entidades de classe, instituições de ensino e tecnologia, governos federal, estadual e municipal, Sebrae e instituições de fomento.

Pretende promover o debate e propor estratégias comuns às diversas instituições participantes, a fim de garantir o alinhamento entre as iniciativas regionais e nacionais de desenvolvimento da cadeia nacional de fornecedores de bens e serviços, com compartilhamento de informações, experiências, oportunidades e dificuldades na cadeia produtiva de petróleo e gás na região.

Para mais informações ou esclarecimentos acesse: FCP&G

A governança do FCP&G é realizada por três instâncias, que agregam as principais instituições que atuam no setor de petróleo, a saber:

Comitê Estratégico: Formado pelo Governo ES/SEDES, Petrobras, Shell e Findes, cujos representantes são seus principais executivos. Tem a função de definir as estratégias indutoras do fórum, aprovar suas ações, validar as propostas de alocação de recursos e deliberar sobre questões relevantes que forem apresentadas pela Coordenação Executiva (Instância Deliberativa).

Coordenação Executiva: Está a cargo da Federação das Indústrias do Espírito Santo – FINDES, que indicou o Coordenador Executivo referendado pelo Comitê Estratégico. É responsável por convocar e presidir as reuniões do fórum, acompanhar o desenvolvimento e controlar as metas dos projetos e ações definidas (Instância Diretiva).

Pleno Executivo: Formada por instituições diretamente interessadas no desenvolvimento da cadeia produtiva de petróleo e gás e que possuem representantes no fórum. Atuará, por meio de Grupos de Trabalho Temáticos – GTs,  na proposição de ações, no gerenciamento dos projetos, na indicação de coordenadores de projetos e no controle dos indicadores de desempenho (Instância Executiva).

Apoiar a melhoria das condições de competitividade das empresas capixabas, fornecedoras de bens e serviços para o setor petrolífero, de forma a promover o fortalecimento do encadeamento produtivo de petróleo e gás no Espírito Santo.

  • Incentivar o fornecimento de bens e serviços pela indústria local, face os investimentos e operações regionais da cadeia produtiva de petróleo e gás;
  • Aumentar o índice de conteúdo local nos empreendimentos e operações da cadeia produtiva de petróleo e gás;
  • Estimular empresas locais a incorporar processos inovadores e investir em pesquisa e desenvolvimento;
  • Inserir pequenas e micro empresas na cadeia produtiva de petróleo e gás;
  • Mapear e divulgar as demandas regionais na carteira de investimentos e operações da cadeia produtiva de petróleo e gás;
  • Promover parcerias empresariais para o desenvolvimento comercial e tecnológico;
  • Promover parcerias institucionais para o apoio ao aumento da competitividade das empresas locais;
  • Acompanhar a oferta e a demanda por mão de obra qualificada para atuação no setor de petróleo e gás.

Público Alvo
Empresas que pertencem à cadeia produtiva de petróleo, gás e naval do Espírito Santo, sendo fornecedoras de bens e serviços para o setor.